quarta-feira, 25 de julho de 2012

"Se Não Fora o Senhor"

87a mensagem. "Eu estava na minha intimidade com o meu Deus e ele me deu esta mensagem,   aqui em Manaus no  Amazonas".

Certa vez o Jesus disse ao Pedro que o diabo o tentou cirandar como trigo, mas ele intercedeu ao seu favor, para que ele não desfalecesse na fé (Lucas 22,32)... Jesus intercede em nosso favor, mas nem sempre nos damos conta de quantos livramentos, de quantos laços, ele nos livrou... E quando pensamos, vemos  quantos e quantos, se perderam na sua fé, sucumbiram, quando as malhas do pecado lhes invadiram. O homem não é capaz de perceber isso... Se continua crendo e continua firme e constante, foi porque o Senhor assim, como fez com Pedro, assim agiu em favor de muitos e muitos homens. Vejamos o Salmo 124: 


"Se não fora o SENHOR, que esteve ao nosso lado, ora diga Israel;
Se não fora o SENHOR, que esteve ao nosso lado, quando os homens se levantaram contra nós. 
Eles então nos teriam engolido vivos, quando a sua ira se acendeu contra nós".

"Foi Davi quem escreveu este salmo; homem que teve inimigos os quais não foram poucos. Saul e sua família, até mesmo o próprio filho Absalão constituíram os seus inimigos. Com certeza, Davi sabia o que estava meditando...Nós talvez não tenhamos inimigos como o Saul, mas temos pessoas que estão mais para criticar que elogiar; temos pessoas que mais estão para apontar erros que apresentar ajuda e cura. Talvez não tenhamos grandes inimigos, mas não temos também amigos... Mas se não os temos é talvez porque não os mereçamos. Não sei!. Mas, se formos olhar pra isso; se guardamos algum ressentimento, esse tipo de sentimento nos mata por dentro, mas quão bom é o Senhor que nos livrou de todo e qualquer sentimento que pudesse aprisionar nossas almas...

"Então as águas teriam transbordado sobre nós, e a corrente teria passado sobre a nossa alma; então as águas altivas teriam passado sobre a nossa alma"
"Que águas são estas? Podem ser até mesmo, uma enchente, quem sabe? Mas, águas, águas da humilhação, da vergonha, da angustia, do medo, águas da privação, da derrota, das decepções, das perdas, dos lutos... Águas do abandono, da solidão, da tristeza, da fome... Muitas águas. Se não fosse o Senhor a nossa existência seria um mar de tantas coisas ruins. Muitos são afogados nas torrentes da vida. Mas, louvado seja Deus que nos livrou nossa alma de guardar essas feridas... Tudo passou e nós escapamos.

"Bendito seja o SENHOR, que não nos deu por presa aos seus dentes.
A nossa alma escapou, como um pássaro do laço dos passarinheiros; o laço quebrou-se, e nós escapamos."
"Imaginemos uma arapuca... O caçador arma sua arapuca, o animal sem saber, até inocentemente se aproxima... Mas de repente 'do nada' o animal salta, dá um pulo, o seu instinto lhe diz que algo perigoso estava para acontecer, e de repente, ele se liberta por um triz daquela cilada e aí o laço se quebrou. 'Laço' da volúpia, laço do prazer momentâneo. Laço da morte, laço do adultério, laço da fornicação, laço do querer levar vantagem em tudo... laço da traição. Mas, Deus foi bom que nos livrou de todos. Laço da mentira, do exibicionismo, da falsa humildade, da hipocrisia, da espiritualidade vazia e da religião apóstata. Quanto laço, Deus nos livrou!!!

"O nosso socorro está no nome do SENHOR, que fez o céu e a terra". 

"Chego a conclusão que desse versículo não tenho menor dúvida que é do Senhor que nos vem o socorro"
Salmos 124:1-8

Google+ Badge